Segunda, Junho 27, 2022
Follow Us
A Estrada para o Inferno - Moradores do coração

25 de Maio, 2022

Olá a todos, queremos compartilhar um sonho da Irmã Yaroslava sobre o Céu. Olá, irmãos e irmãs em Cristo, hoje experimentei a experiência de viajar para o céu, à noite fui para a cama. Que não era uma visão ou um sonho, eu estava realmente no céu. Antes de chegar ao céu, eu vivia uma vida mundana, não vivia os caminhos de Deus, não fazia Sua obra e era como outra pessoa mundana, como se tivesse outra vida e não a minha. Algo aconteceu comigo, e eu fui para o céu.

Eu me encontrei em um longo corredor. Havia portas grandes, as portas de cima eram redondas e grandes, como em um palácio, e eram de madeira, havia alguns números nas portas. Um anjo apareceu ao meu lado na forma de um jovem e me levou para o corredor mais distante, para o último quarto. Eu entrei lá, sentei lá um tempo e fui para outras salas, tinha muita gente em outras salas, e muitos dos meus amigos íntimos, eu corri e abracei todos eles, fiquei muito feliz em vê-los. Mais tarde, após a conversa, o anjo me levou ao tribunal.

 Eu vi um enorme salão, anjos, santos, Deus em um trono, irradiando uma luz brilhante. Eu estava muito preocupada na frente dEle, não sabia como me comportar na frente dEle, apenas fiquei com esse anjo. E ele olhou para Deus. Ele pediu aos anjos que trouxessem dois pergaminhos, minhas boas e más ações. E quando Deus olhou para esses pergaminhos, Ele teve dor e tristeza, Ele estava claramente chateado que algo estava errado. E Ele disse tal coisa, olhando para os pergaminhos: “Você tinha um dom tão inestimável, e você não o usou”. Eu tinha permissão para inspecionar o céu enquanto eles tomavam decisões sobre mim, onde eu deveria estar no céu ou no inferno.

Saí do chão e voei acima de tudo, vi prados maravilhosos, campos, uma bela estrada, anjos de fogo caminhavam por eles, eles se preparavam para a colheita. Voei sobre pessoas, anjos, crianças e muitos celestiais. O céu inteiro estava cheio de música, pois a vibração desses sons estava por toda parte, e criava uma harmonia completa. O vento cheio do Espírito Santo estava soprando em mim, meu cabelo solto estava soprando dessa brisa, eu estava cheia de alegria, felicidade e completa liberdade dos grilhões das coisas da terra. Mais tarde, minhas coisas da vida antiga apareceram abaixo como um videoclipe, eu era uma pessoa mundana desconhecida que passei direto por crianças pobres em uma gaiola que pediam comida e água, passei por um vizinho, e por pessoas que Deus me enviou, mesmo além do dom que eu tinha, mas não usei.

Eu sobrevoei por essas visões da minha vida antiga e percebi que havia alguns pecados e erros nessas coisas.

Voei e voei para alguma montanha alta. Havia duas portas nesta montanha que tinham "Céu" e "Inferno" escrito nelas. Percebi que era hora de julgamento, e que era hora de Deus tomar uma decisão. Comecei a cantar para chamar um anjo e descobrir qual foi a decisão de Deus. O mais interessante é que chamei um anjo cantando. Vejo que o anjo subiu, era o mesmo jovem que me acompanhou pelo corredor até o quarto e me levou ao salão de Deus. O anjo veio até mim com um papel dobrado. E quando ele desdobrou este papel, fiquei horrorizado e chocado ao mesmo tempo. Vi que minha estrada estava condenada ao inferno. Imediatamente percebi que não seria capaz de retornar à terra, nem mesmo para confessar, muito menos cumprir a missão de Deus. Achei que alguém pudesse orar para que eu escapasse do inferno, mas entendi que ninguém oraria por mim. Eu não queria ir para lá.

Eu sabia com meus pensamentos que ficaria lá para sempre, e não havia outra saída. Quando o anjo foi abrir as portas do inferno, eu voei sobre as portas e sobre a montanha, e quando voei pelas portas do inferno, quando vi que alguém estava controlando meu voo, eu estava voando, e o fogo começou me tocando, acordei do sono com um suspiro profundo, como se estivesse debaixo d'água por muito tempo.

Fiquei chocada e com medo de ter acordado, fiquei feliz por estar no chão. Com lágrimas na camisola, corri para o frio para de alguma forma recuperar a consciência, desse horror, com lágrimas nos olhos, eu disse: "Senhor, o que eu fiz, por que fui para o inferno?" Com tal choque de horror, eu não conseguia nem chorar, minhas pernas tremiam de horror por cerca de uma hora. Depois que comecei a me acalmar, senti que me foi mostrada a vida daqueles que vivem no mundo, e daqueles que morrem com pecados mortais e não poderão mudar nada lá, antes do caminho para o inferno, quando você for condenado.

É muito assustador porque as emoções são muito mais fortes lá do que na Terra. Pessoal, eu só quero compartilhar isso com vocês.

Deus o abençoe.

-


O artigo original pode ser lido aqui


Log in or Sign up