Sexta, Outubro 23, 2020
Follow Us
Está Vindo! -- Alan Carrico

Olá Meu filho, aqui é Jeová Elohim falando com você neste dia.

Meus filhos, tenho um aviso para vocês hoje. Enquanto a terra mergulha de cabeça na escuridão, agora me darei a conhecer. Muito em breve você verá um evento celestial que o surpreenderá. Será antes da eleição dos EUA e causará grande medo em muitos. Aqueles que estão em Mim terão paz, mas aqueles que estão longe de Mim ficarão com medo e buscarão respostas para o que estão testemunhando. Eu chamo Meu remanescente para ministrar a eles. Vou capacitá-lo e dar-lhe palavras para falar àqueles que estão procurando respostas. Eu não desejo que ninguém pereça, então agora Me dou a conhecer àqueles que ainda estão dormindo que eles serão poupados da eternidade longe de Mim. Esta é uma época emocionante para se viver, Meus preciosos, pois agora verão o mover poderoso do Meu Espírito sobre a Terra. Enquanto a terra cambaleia com o que está para acontecer, Eu te envio, Meu remanescente, para testemunhar Minha Palavra a eles. Tudo isso foi planejado desde antes dos fundamentos da Terra serem lançados, então pressionem em Mim agora para que não tenham medo. Vêm. EU SOU.

Salmos 79; Joel 3

Salmo 79 (VKJ)
Ó Deus, os gentios vieram para a tua herança; teu santo templo eles contaminaram; eles colocaram Jerusalém em montes. 2 Os cadáveres de teus servos deram para servir de pasto às aves do céu, e a carne de teus santos aos animais da terra. 3 Derramaram o sangue deles como água ao redor de Jerusalém; e não havia quem os enterrasse. 4 Somos feitos opróbrio para os nossos vizinhos, desprezo e escárnio para os que estão à nossa volta. 5 Quanto tempo, Senhor? ficar com raiva para sempre? o teu ciúme arderá como fogo? 6 Derrama a tua ira sobre os gentios que não te conhecem, e sobre os reinos que não invocam o teu nome. 7 Pois eles devoraram a Jacó, e assolaram a sua morada.

8 Não te lembres contra nós das iniquidades anteriores; previna-nos a tua terna misericórdia, pois estamos muito abatidos. 9 Ajuda-nos, ó Deus da nossa salvação, pela glória do teu nome; livra-nos, e perdoa os nossos pecados, por amor do teu nome. 10 Por que hão de dizer os gentios: Onde está o seu Deus? que ele seja conhecido entre os gentios aos nossos olhos, pela vingança do sangue de teus servos que é derramado. 11 Chegue à tua presença o gemido do preso; de acordo com a grandeza de teu poder, preserva aqueles que estão designados para morrer; 12 E retribui aos nossos vizinhos sete vezes mais no seio deles o opróbrio com que te vituperaram, ó Senhor. 13 Nós, pois, o teu povo e as ovelhas do teu pasto, te louvaremos eternamente; anunciaremos o teu louvor a todas as gerações.

Joel 3 (VKJ)
Pois eis que naqueles dias e naquele tempo, quando eu trouxer novamente o cativeiro de Judá e de Jerusalém, 2 também reunirei todas as nações, e as farei descer ao vale de Josafá, e ali entrarei em juízo com elas pelo meu povo e pela minha herança Israel, que espalharam entre as nações e repartiram a minha terra. 3 E lançaram sortes sobre o meu povo; e deram um menino por meretriz, e venderam uma menina por vinho, para que bebessem. 4 Sim, e que tens a ver comigo, ó Tiro, e Sidom, e todas as costas da Palestina? você me dará uma recompensa? e se vocês me recompensarem, rápida e prontamente retornarei sua recompensa sobre sua própria cabeça; 5 Porque pegastes a minha prata e o meu ouro, e levastes para os vossos templos as minhas coisas maravilhosas: 6 Também os filhos de Judá e os filhos de Jerusalém vendestes aos gregos, a fim de os afastares para longe da sua fronteira. 7 Eis que eu os levantarei do lugar a que os vendestes, e retribuirei a vossa recompensa sobre a vossa cabeça: 8 E venderei vossos filhos e vossas filhas nas mãos dos filhos de Judá, e eles venderão aos sabeus, a um povo longínquo; porque o Senhor o disse. 9 Proclamai isto entre os gentios; Prepare a guerra, desperte os homens poderosos, que todos os homens de guerra se aproximem; deixe-os subir: 10 Converta as suas relhas de arado em espadas e os seus ganchos de poda em lanças; diga os fracos: Eu sou forte. 11 Reuni-vos, e vinde, todos vós, gentios, e ajuntai-vos em redor; para lá fazei com que os teus poderosos descam, ó Senhor. 12 Os pagãos sejam despertados, e sobe ao vale de Josafá; porque ali me assentarei para julgar todas as nações em redor. 13 Colocai a foice, porque a colheita está madura: vinde, descei; pois a imprensa está cheia, as gorduras transbordam; pois sua maldade é grande. 14 Multidões, multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. pois ali me assentarei para julgar todos os pagãos ao redor. 13 Colocai a foice, porque a colheita está madura: vinde, descei; pois a imprensa está cheia, as gorduras transbordam; pois sua maldade é grande. 14 Multidões, multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. pois ali me assentarei para julgar todos os pagãos ao redor. 13 Colocai a foice, porque a colheita está madura: vinde, descei; pois a imprensa está cheia, as gorduras transbordam; pois sua maldade é grande. 14 Multidões, multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. porque a colheita está madura: venha, desça; pois a imprensa está cheia, as gorduras transbordam; pois sua maldade é grande. 14 Multidões, multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. porque a colheita está madura: venha, desça; pois a imprensa está cheia, as gorduras transbordam; pois sua maldade é grande. 14 Multidões, multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está próximo no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. multidões no vale da decisão: porque o dia do Senhor está próximo no vale da decisão. 15 O sol e a lua escurecerão, e as estrelas deixarão de brilhar. 16 O Senhor também rugirá de Sião, e fará ouvir a sua voz de Jerusalém; e os céus e a terra estremecerão, mas o Senhor será a esperança do seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. mas o Senhor será a esperança de seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela. mas o Senhor será a esperança de seu povo e a força dos filhos de Israel. 17 Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habita em Sião, meu santo monte; então Jerusalém será santa, e estranhos nunca mais passarão por ela.

18 E acontecerá naquele dia que os montes destilarão vinho novo, e os outeiros manarão leite, e todos os rios de Judá correrão com águas, e uma fonte sairá da casa de o Senhor, e regará o vale de Shittim. 19 O Egito se tornará em desolação, e Edom em um ermo deserto, por causa da violência contra os filhos de Judá, por terem derramado sangue inocente em sua terra. 20 Mas Judá será habitada para sempre, e Jerusalém de geração em geração. 21 Pois purificarei o sangue que não purifiquei; porque o Senhor habita em Sião.

-
Publicado em inglês por 444 Prophecy News


O artigo original pode ser encontrado aqui


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Log in or Sign up

DMC Firewall is a Joomla Security extension!