Sexta, Setembro 17, 2021
Follow Us
Japão suspende 1,6 milhão de doses da vacina Moderna após relatos de contaminação

O Japão anunciou em 26 de agosto a suspensão de cerca de 1,63 milhão de doses da vacina Moderna COVID-19 devido a relatos de contaminação .

O ministério da saúde do país disse que “materiais estrangeiros” foram encontrados em pelo menos 390 doses - ou 39 frascos - da vacina Moderna, provenientes de oito locais de vacinação, de acordo com o The Asahi Shimbun .

A Takeda Pharmaceutical, uma farmacêutica japonesa que distribui as vacinas Moderna no Japão, recebeu relatórios de contaminação de vários locais de vacinação. O ministério da saúde posteriormente soube do assunto em 25 de agosto, informou a agência.

Um funcionário do ministério foi relatado pelo Nikkei Asia dizendo: “É uma substância que reage a ímãs ... pode ser metal”.

As notificações de contaminação envolvem um lote que totalizou 565,4 mil doses. O ministério disse que decidiu suspender o lote por precaução depois de consultar a Takeda. Também suspendeu mais dois lotes.

Ao todo, os três lotes contêm 1,63 milhão de doses de vacinas, que foram distribuídas a 863 postos de vacinação em todo o país. O ministério solicitará que os centros não os utilizem.

Funcionários disseram que um número desconhecido de doses no lote afetado foi administrado, mas não houve efeitos adversos relatados até agora.

A Takeda disse em um comunicado que pediu à Moderna para investigar a segurança da vacina como uma questão de emergência. Ele também compartilhou os números de lote, que são 3004667, 3004734 e 3004956.

“A Moderna confirma ter sido notificada de casos de partículas em suspensão em frascos de medicamentos de sua vacina COVID-19”, disse a Moderna em um comunicado. “A empresa está investigando os relatos e continua comprometida em trabalhar rapidamente com seu parceiro, a Takeda, e os reguladores para resolver isso.”

O ministério da saúde disse que todas as vacinas que estão sendo lançadas no Japão são fabricadas por uma empresa com sede na Espanha.

Não ficou imediatamente claro se o problema afetou o fornecimento da vacina Moderna para outros países.

O secretário-chefe de gabinete, Katsunobu Kato, disse que o governo japonês está discutindo com a Takeda maneiras de minimizar o impacto na implementação da vacinação no país.

“Faremos [nosso] máximo para evitar qualquer impacto no progresso da vacinação, especialmente em locais de trabalho e centros de grande escala”, disse ele.

Cerca de 43% da população do Japão foi totalmente vacinada. Cerca de 50 por cento receberam pelo menos uma dose.

A Associated Press e a Reuters contribuíram para este relatório.

-

Por Epoch Times / Ntd.

Log in or Sign up